nfora

27.02.2015

* Os óleos comestíveis e o azeite de oliva

Azeite de Oliva

 

Matéria por Laryssa Caetano

Existem quantos tipos de óleos comestíveis mesmo? Um monte. E geralmente compramos o mais barato no mercado. Pois saiba que o consumo de um bom óleo interfere muito na saúde.

O azeite é o principal deles. Super saboroso, ele é consumido pelos povos mediterrâneos há milênios (isso mesmo, milênios), e é um dos principais responsáveis pelo baixo índice de infartos e outras doenças do coração. Com 89 kcal por colher de sopa, ele também faz bem para a mucosa do estômago e intestino, ajuda a reduzir o colesterol ruim (LDL) e a formação de radicais livres, que são responsáveis pelo envelhecimento e por doenças degenerativas.

Outro ponto positivo para o azeite de oliva é que ele é versátil. Usado como emoliente para pele e cabelo, ele apresenta resultados melhores que muito produto vendido em farmácia. É um excelente substituto para o demaquilante, por exemplo. Aprenda a escolher azeita nesse post com as dez regras para comprar um bom azeite de oliva.

Também 89 kcal por colher de sopa, o óleo de dendê é bastante popular na culinária baiana, mas com menos benefícios para a saúde, por conta do alto teor de gorduras saturadas.

Os mais comuns no mercado são o óleo de soja e de girassol, sendo que o de soja conta com 98 kcal por colher de sopa e o de girassol, 91 kcal. O óleo de soja contribui para o bom funcionamento do sistema nervoso e possui ação anti-inflamatória.

Ambos são ricos em ômega 3 e 6, e o óleo de girassol ainda conta com o ômega 9 e ajudam a aumentar o nível do bom colesterol (HDL). Vai preparar uma conserva? Melhor usar o óleo de girassol, pois ele consegue manter as características originais dos alimentos, como sabor, cor e cheiro.

O óleo de milho também é facilmente encontrado e tem propriedades nutricionais semelhantes ao de soja e de girassol, só que com 95 kcal por colher de sopa. O óleo de canola tem apenas 85 kcal por colher de sopa, contém mais ômega 3, mas é mais caro e mais difícil de ser encontrado. 

Os óleos de gergelim (91 kcal) e de amendoim (88 kcal) tem sabores característicos e são usados principalmente em pratos orientais. O de gergelim também rico em ômega 3,6 e 9 e contém substâncias antioxidantes. O ponto forte do óleo de amendoim é seu ponto de saturação maior que os demais óleos, sendo indicado para frituras. 

Voltar <<

Comentários