nfora

17.09.2014

* Uma fazenda de oliveiras de última geração

Colinas Azeite de Oliva Extra Virgem

fonte: http://www.cruzeirodosul.inf.br

Colinas de Garzón é uma linha de azeites de oliva extra virgem, com acidez inferior a 0,2%, produzida no Uruguai e premiada internacionalmente. Mas visitar o local, conhecer o olivedo, descobrir suas peculiaridades, entender a fabricação, os diversos tipos de combinações de azeitonas e terminar a experiência com degustação de vinhos, azeites, mel e amêndoas também produzidos no local é uma vivência para se guardar na memória. Localizada a poucos quilômetros da costa, com plantações que se sobressaem na paisagem entre José Ignácio e Punta del Este, a Agroland S.A, fabricante da linha de azeites e das amêndoas, instalou-se no lugar há dez anos apenas e transformou aquele pedacinho de chão do departamento de Maldonado em um local de deslumbramento. As instalações de pedra que lembram a Toscana, as imensas plantações, a Fábrica Boutique fazem parte de diversos programas oferecidos, como uma aventura de bicicleta entre as oliveiras, um piquenique, por do sol com música ao vivo, participar da colheita, dependendo da época em que se visita.

 

Com um jardim varietal de mais de uma dúzia de cultura oriundas da Itália, Espanha, França, Israel e Argentina e capacidade de moagem de mais de 130 toneladas de azeitonas por dia, o Colinas de Garzón exibe mais de 30 prêmios.

 

No período que visitamos o olival, as árvores estavam em plena floração, cheias de pequenas flores brancas e muitas abelhas usadas para polinização. Em outros períodos do ano, os visitantes percorrem o olival, participando da colheita das azeitonas e acompanhando a fabricação do azeite. A arquitetura do local permite que se observe todo o processo de fabricação através de paredes de vidro e vídeos elaborados que explicam inclusive as variedades de azeite fabricados pela empresa.

Voltar <<

Comentários

Comentário feito por Laryssa Caetano | 16.01.2015

Oi! Seu blog é muito legal! Uma vez vi uma matéria sobre a coleta da azeitona em Portugal, eles usavam um equipamento que sacudia a oliveira e colocavam um lençol no chão para pegar as azeitonas que caíam. O processo de produção do azeite levava anos! Achei muito interessante!